O mais novo especial de Natal de Doctor Who, Twice Upon A Time, que unirá o 12º e 1 Doutor em uma aventura chega no dia 25 de Dezembro e pra você ir se preparando, listamos os dez melhores e essenciais arcos do primeiro Doutor interpretado por William Hartnell.

Vale o conhecimento que a série clássica de Doctor Who era composta por arcos – formados por episódios com aproximadamente 20 minutos – e não por episódios como a atual que começou em 2005.

1. An Unearthly Child

Exibido em Novembro a 14 de Dezembro de 1963, esse é o primeiro “episódio” de Doctor Who, mesmo se você não for assistir toda a série clássica ele é essencial pelo simples fato de ser a primeira aventura do Doutor sendo exibida.

Na história, os professores de Susan Foreman – a neta do Doutor -, Barbara Wright e Ian Chesterton, ficam intrigados com a sua aluna e ambos resolvem fazer uma visita à sua casa, ao descobrir que Susan vive com seu avô e que eles são viajantes do tempo, os professores acabam embarcando em uma aventura onde todos eles são enviados para o período paleolítico.

2. The Daleks

O segundo arco da série nos apresenta um dos primeiros vilões do Doutor que ele irá encontrar durante toda a sua vida: os Daleks. Ainda tentando levar Barbara e Ian de volta à época onde eles vivem, o Doutor acaba indo para o planeta desconhecido onde habita os Daleks em uma cidade futurista.

3. Marco Polo

Marco Polo é um dos primeiros arcos da série clássica onde ele é reconstruídos com imagens paradas e com o áudio original, isso devido ao fato de vários episódios da série estarem perdidos.

Nesse quarto arco do 1º Doutor, ele, Susan, Ian e Barbara viajam para a Planície de Pamir, na Ásia em 1289, onde os eles são acolhidos pela figura histórica Marco Polo após ter problemas graves com a TARDIS, a mesma que está impedida de ser usado pelo Doutor.

4. The Dalek Invasion Of Earth

E novamente os Daleks aparecem na história do Doutor, dessa vez o Time Lord e seus companions voltam para Londres, mas no século XXII, época onde os Daleks se “apoderaram” e passaram a reinar, agora cabe ao Doutor derrotar os Daleks e libertar os humanos.

5. The Romans

The Romans é um arco perfeito pra quem quem gosta do tema “Fogo em Roma”, essa história conta com a participação de Nero. O Doutor e seus companions (agora com Vicki no lugar da Susan) viajam para a Roma antiga, a mesma época onde o grande fato histórico aconteceu.

Um dos maiores pontos positivos nesse arco é que além de ser divertido de assistir por conta da época em que se passa, ele também mostra o Doutor “alterando” o tempo.

6. The Chase

Sim! os Daleks estrelam novamente esse arco, eles realmente não dão um tempo para o Doutor! Dessa vez o Time Lord e seus companions descobrem que os vilões de Skaro estão os perseguindo pelo tempo para matar o Doutor.

7. The Dalek’s Master Plan

Com o sucesso estrondoso que os Daleks estavam fazendo na época das primeira temporadas de Doctor Who, é compreensível que eles aparecessem em vários arcos, agora pela quarta vez os vilões estrelam o maior arco da série.

Sendo composto por 12 episódios esse arco traz novamente os Daleks, dessa vez ele têm a ideia de conquistar o sistema solar e mais uma vez o Doutor e seus companheiros de viajem através do tempo – ao lado do agente Bret Vyon – estão encarregados de impedir os Daleks.

8. The Celestial Toymaker

Após a TARDIS pousar em lugar desconhecido, os viajantes descobrem que tal lugar é comandado pelo Celestial Toymaker, um ser imortal e que transforma seus inimigos em brinquedos, para que isso não aconteça com o Doutor e seus companions, eles precisam passar por diversos desafios que podem levar à  morte.

Um fato interessante é que o Celestial Toymaker é interpretado por Michael Gough, o mordomo Alfred dos filmes do Batman de 1989, 92, 97 e 95.

9. The Gunfighters

Sucedendo o arco anterior citado nessa lista, The Gunfighters é a primeira aventura do Doutor no velho-oeste e é um dos melhores da era Hartnell.

Além disso ele é baseado em fatos porém foge disso em alguns momentos. Com um toque de humor, The Gunfighters conta uma série de aventuras que acontecem só pelo fato do Doutor estar com dor de dente e acabar sendo ajudado por Doc Holliday, um dentista que realmente existiu e se tornou uma lenda do velho-oeste.

A história do arco tem uma forte relação com a música The Ballad of the Last Chance Saloon – que pode ser conferida aqui.

10. The Tenth Planet

E finalmente chegamos ao último arco do 1º Doutor em Doctor Who, além de introduzir pela primeira vezes os Cybermans na mitologia da série, a regeneração do viajante do tempo também faz sua estreia em The Tenth Planet.

Já doente, o intérprete do 1º Doutor, William Hartnell, não podia mais continuar fazendo a série e com isso os produtores da série tiveram uma ótima ideia: a regeneração do personagem. A regeneração ocorre toda vez que o Doutor está prestes a morrer e com isso ele muda drasticamente sua aparência e personalidade.

The Tenth Planet marca o fim de uma era com o fim do Hartnell no papel de Doutor. Além disso esse episódio tem uma conexão com o penúltimo episódio da décima temporada e provavelmente terá uma forte relação com o novo especial de Natal da série, já que ela acontece momentos antes da primeira regeneração do Doutor.

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here