Inuyashiki é uma série de mangá sobre ficção científica escrita e ilustrada por Hiroya Oku. Atualmente a série apresenta oito edições, já que ela foi inicialmente lançada em janeiro de 2014, porém começou a ser publicada no Brasil em maio de 2017 pela Panini. Então essa review se remete apenas ao volume 1.

Esse mangá é sinceramente um dos melhores do gênero que eu já tive a oportunidade de ler, simplesmente por não ser o clichê de ficção científica que já estamos acostumados. Desde crianças nos deparamos com humanoides sem emoção que querem combater o crime por ser o correto, Inuyashiki vai muito além disso.

 Poucos livros, mangás e quadrinhos conseguem te passar a sensação de estar triste por motivos que remetem apenas ao personagem que está narrando a história, principalmente se você é uma pessoa muito empática – assim como eu – e acaba se apegando aos sentimentos originalmente fictícios.

O enredo é trabalhado de forma espetacular, sem enrolações e muito menos furos. Personagens muito bem finalizados e uma reviravolta decente, finalmente um mangá que me chamasse atenção fora do clichê de robô que salva o mundo para manter a consciência limpa.

Os traços são lindos, momentos de ação e tensão também mostram a importância de um bom traço para a experiência do leitor.

Se você curte ficção científica e drama, esse mangá é um prato cheio, e se você não curte tanto assim, procure pelo menos dar uma chance a ele, tenho certeza que alguma mensagem você irá retirar dessa experiência.

Mas não para por aí, em outubro desse ano a série de mangá terá sua adaptação em animação produzida pelo estúdio MAPPA, conhecido por seu trabalho em Yuri on Ice (2016)Terror in Resonance (2014) e outros animes. Além disso, teremos também um filme em live-action que será lançado em 2018, se essa não é uma ótima hora para conhecer a série, eu não sei qual pode ser.

Por fim, espero que o mangá toque e surpreenda cada um de vocês com o seu estilo único. Se você realmente se interessou e quer comprar a primeira edição totalmente em português, é só clicar aqui.

 

 

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here