“Hello, my darling
I know there’s something in your heart
Soon it’ll be better
I’m gonna show you how.”
Welcome To This SongEric Assmar Trio

Para muitos, o rock e a música brasileira no geral está em decadência, tomada por clichês e trabalhos puramente comerciais e midiáticos, baseando-se nos sertanejos universitários e funks da vida (nada contra esses estilos musicais, mas são incontestáveis suas pobrezas harmônicas e melódicas), que fazem tanto sucesso no país… No entanto, o que poucos sabem, é que o cenário musical brasileiro está passando por uma época ímpar, com o surgimento de músicos e bandas sensacionais que, apesar de ainda não serem os maiores ícones da nossa mídia, estão ascendendo rapidamente! E, pra a surpresa de alguns, a maior parte dessas bandas (que tocam, principalmente, rock’n’roll) são provenientes do nosso NORDESTE! Sim, a terra que já foi o reino de figuras geniais, como Raul Seixas e Novos Baianos, e que hoje é a terra do “pagodão” e do Axé, possui um dos maiores cenários de rock do país, principalmente no meio underground (um salve pros pubs do Rio Vermelho, haha)… E eu, em particular, vou passar a divulgar esses trabalhos por aqui, alguns mais conhecidos, outros nem tanto…

E vou começar com uma banda baiana que, apesar de não ter toda a fama que merece (atua principalmente em pubs e bares), possui uma qualidade musical INDESCRITÍVEL! Estou falando do Eric Assmar Trio, conjunto comandado pelo vocalista e guitarrista Eric Assmar, ao lado do baixista Rafael Zumaeta e do baterista Thiago Brandão. Filho de um dos precursores do blues soteropolitano, o lendário Álvaro Assmar, o líder da banda é considerado por muitos, sem muitas objeções, o melhor guitarrista da Bahia.

Além do talento ímpar de Assmar, que também possui uma imponente voz, o trio, inspirado nos power trios de blues dos anos 60 e 70, como as lendárias bandas Cream e Jimi Hendrix Experience, possui um trabalho de percussão excelentíssimo, um baixo congruente e presente, fora a ótima produção dos clipes e músicas. Marcadas por solos fenomenais, que combinam perfeitamente o clichê e o original, e são carregados de um feeling que faz com que você vá para outras dimensões ou, simplesmente, saia pulando pelo cômodo, as músicas possuem vocais empolgantes e letras muito bem compostas, que variam entre os idiomas português e inglês. Apesar de não possuírem tanta profundidade em sua maioria, as composições trabalham muito bem temas como o amor, o apego, o próprio feeling musical e ainda realizam inteligentes críticas à sociedade, como na música Sangue No Olho.

A banda só lançou um disco, intitulado Eric Assmar Trio, e está nas vésperas do lançamento do segundo, que promete um blues original, bem produzido, recheado de feeling e de ótima qualidade. Para os que querem vivenciar uma experiência musical única e moram em Salvador, será realizada uma apresentação gratuita no Imbuí, dia 09/04, ao lado de músicos como Irmão Carlos Larissa Luz. Mais informações no link do evento no Facebook.

Um dos pontos altos do conjunto são suas apresentações ao vivo. Assmar, principalmente, costuma ter uma presença de palco que deixa de limitar-se ao palco! O expressivo guitarrista pega copos emprestados do público (em maioria frequentadores dos pubs soteropolitanos, famosos por receberem grandes músicos) pra realizar slides na guitarra, toca entre os ouvintes, com a guitarra nas costas e até mesmo com a língua, no maior estilo Jimi Hendrix, além de demonstrar toda sua habilidade como o instrumento em improvisos rápidos e extremamente melódicos, empolgando até os sonolentos da noite. A banda também costuma tocar covers de músicos como Stevie Ray Vaughan e Albert King, deuses do blues.

Blues puro, feeling constante, originalidade e solos incríveis! Por que não ouvir?

“E ninguém notou que o dia
Veio, foi, e voltou
Fosco, sem brilho
Na luz do sol
E agora
O que virá?”
O que virá Eric Assmar Trio

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here