Jay Asher, autor do best-seller  “13 Reasons Why”, que deu origem ao grande fenômeno do serviço de streamming Netflix foi acusado de assédio sexual e banido, junto com o ilustrador David Diaz, também acusado de assédio, da SCBWI (Society of Children’s Book Writers and Illustrators).

Segundo Lin Oliver, diretor executivo da SCBWI, à Associated Press, ambos violaram o código sobre assédio da organização. Oliver também afirmou que ambos não são mais membros da SCBWI e que não aparecerão em eventos futuros.

Jay Asher foi banido no final do ano passado, mas a notícia só veio a público após o crescimento do movimento de combate ao assédio.

Em entrevista ao Buzzfeed News, Asher alegou ter saído por decisão própria. “É muito assustador quando você sabe que as pessoas não vão acreditar em você uma vez que você abre a boca. Me sinto em conflito sobre o assunto por causa do que está acontecendo na cultura e quem tem credibilidade ou não”, disse.

A segunda temporada de 13 Reasons Why já foi filmada, mas a série ainda não tem uma data de estreia definida.

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here