Pouco tempo antes do início da caminhada para as Olimpíadas de Tóquio em 2020, Bernardinho se despede da seleção Brasileira de Vôlei. O treinador ocupou o cargo por cerca de 16 anos e é um dos maiores técnicos da história do vôlei mundial.

Depois de inúmeras reuniões com a direção da seleção, Bernardinho decidiu seu futuro na noite de terça-feira. O novo treinador da seleção Brasileira será Renan Dal Zotto, que cedeu entrevista: “É um motivo de muito orgulho estar aqui hoje pela confiança depositava pelo Toroca e pela CBV no meu nome. Estou há mais de 40 anos no vôlei e algumas vezes fui convocado pela CBV. Durante 13 anos como atleta, aquele frio na barriga. Depois em 2001 para ajudar na transição do Bernardo do feminino para o masculino. Isso me entusiasma muito.”

A brilhante carreira de Bernardo Rocha de Rezende, ou Bernardinho

15995374_989535967857198_2021034059_n

Figurinha mais conhecida do vôlei Brasileiro, Bernardinho é um dos maiores nomes da seleção seja como jogador, ou treinador. Como jogador ele conquistou os seguintes títulos:

  • 1981 – Campeão sul-americano
  • 1981 – Bronze na Copa do Mundo de Voleibol de 1981
  • 1982 – Campeão do Mundialito
  • 1982 – Prata no Mundial de 1982
  • 1983 – Bicampeão sul-americano
  • 1983 – Ouro no Pan-americano de Caracas
  • 1984 – Prata na Olimpíada de Los Angeles
  • 1985 – Tricampeão sul-americano

Como treinador, Bernardinho treinou tanto a seleção Masculina quanto a Feminina, e foi muito vitorioso em ambas.

Títulos pela seleção Masculina como treinador:

  • 2001 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Katowice, Polônia
  • 2001 – Campeão sul-americano
  • 2001 – Campeão da Copa América de Voleibol
  • 2001 – Campeão do Torneio Ponte di Legno, na Itália
  • 2001 – Campeão do Torneio Consorzio Metano de Vellecamonica, na Itália
  • 2002 – Campeão do Torneio Sei Nazioni
  • 2002 – Campeão Mundial, em Buenos Aires, Argentina
  • 2003 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Madri, Espanha
  • 2003 – Campeão sul-americano
  • 2003 – Campeão da Copa do Mundo de Voleibol, no Japão
  • 2003 – Bronze no Pan-americano de Santo Domingo
  • 2004 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Roma, Itália
  • 2004 – Ouro na Olimpíada de Atenas
  • 2005 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Belgrado, Sérvia e Montenegro
  • 2005 – Campeão sul-americano
  • 2005 – Campeão da Copa dos Campeões de Voleibol, no Japão
  • 2006 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Moscou, na Rússia
  • 2006 – Campeão Mundial no Japão
  • 2007 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Katowice, Polônia
  • 2007 – Ouro no Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro
  • 2007 – Campeão sul-americano
  • 2007 – Campeão da Copa do Mundo de Voleibol, no Japão
  • 2008 – Prata nas Olimpíadas de Pequim, na China
  • 2009 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Belgrado, Sérvia
  • 2009 – Campeão sul-americano
  • 2009 – Campeão da Copa dos Campeões de Voleibol, no Japão
  • 2010 – Campeão da Liga Mundial de Voleibol, em Córdoba, Argentina
  • 2010 – Campeão do Torneio Hubert Jerzy Wagner, na Polônia
  • 2010 – Campeão Mundial, Roma, Itália
  • 2011 – Campeão Sul-Americano, em Cuiabá, Brasil.
  • 2011 – Campeão Pan – Americano 2011, Guadalajara, México
  • 2012 – Prata nas Olimpíadas de Londres, na Inglaterra
  • 2015 – Prata no Pan-americano de Toronto
  • 2016 – Ouro na Olimpíada do Rio, no Brasil

Títulos pela seleção Feminina como treinador:

  • 1994 – Ouro no Montreux Volley Masters
  • 1994 – Ouro no Grand Prix de Voleibol
  • 1995 – Ouro no sul-americano de voleibol
  • 1995 – Ouro no Montreux Volley Masters
  • 1996 – Bronze na Olimpíada de Atlanta
  • 1996 – Ouro no Grand Prix de Voleibol
  • 1997 – Ouro no sul-americano de voleibol
  • 1998 – Ouro no Grand Prix de Voleibol
  • 1997 – Bronze na Copa dos Campeões
  • 1999 – Ouro no Pan-americano de Winnipeg
  • 1999 – Prata no Grand Prix
  • 1999 – Ouro no sul-americano de voleibol
  • 1999 – Prata na Copa do Mundo de Voleibol
  • 2000 – Bronze no Grand Prix de Voleibol
  • 2000 – Bronze na Olimpíada de Sydney