Graphic MSP é um projeto da Mauricio de Sousa Produções que consiste em histórias dos personagens do estúdio feitas por artistas brasileiros consagrados e com estilos diferentes do padrão das revistas que conhecemos, no caso, as mensais. O nome vem do termo graphic novel. O projeto se originou da série MSP 50 – Mauricio de Sousa Por 50 Artistas, iniciada em 2009.

Chico Bento – Pavor Espaciar é a terceira HQ dessa saga de MSP. Os gibis do Maurício de Sousa foram e ainda são responsáveis pela infância de muitas pessoas. Gustavo Duarte aceitou o grande desafio de fazer uma Graphic MSP, representando através de seu traço único o caipira mais famoso da Turma da Mônica, Chico Bento.  Mas, ao contrário do que a gente possa pensar de que a aventura acontece na roça com o Zé Lelé, ele faz diferente e nos leva em uma aventura muito maluca com seres de outro planeta.

Um caipira em uma aventura com alienígenas. Sim, você não leu errado.

A história começa quando os pais do Chico saem e deixam ele e Zé Lelé em casa sozinhos para ler e se divertirem e depois irem dormir às 22h00, porém, quando Chico vai para cozinha pegar um copo d’água seu porquinho Torresmo vê algo estranho atrás de Chico e fica apavorado. O que Torresmo vê são alienígenas, e eles abduzem Chico, Zé Lelé, o porco Torresmo e a galinha Giselda.

Nesse ponto a história começa a se desenrolar, e o grande problema é que os extraterrestres trocaram a mente do Zé Lelé com o do Torresmo, e assim Chico tem que resolver esse problema e ainda tentar tirar todos trapalhões da nave sãos e salvos. Chico se sente perdido ao longo da história sem saber o que vai acontecer e sem saber se aquilo realmente está acontecendo.

A história é recheada de referências a outros personagens da própria Turma da Mônica, artistas, coisas relacionadas à vida pessoal do Gustavo e até de Star Wars. É legal reparar nos detalhes dos desenhos exatamente por isso, dá pra perceber alguns easter eggs muito legais. Além disso, dei muita risada com as expressões, os diálogos e com as próprias referências. Os traços dessa história comparado aos quadrinhos clássicos do personagem são visivelmente notados, por ser algo para adultos e por deixar na cara que esse é o publico alvo.

A história é muito divertida, mas com um final e uma resolução para os problemas muito rápidas, o que pode ser ruim para algumas pessoas. A editora responsável pela publicação da HQ foi a Panini Comics, e você pode conferir o gibi e comprar ele clicando aqui.

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here