Mesmo com uma participação de “última hora” na segunda temporada de Demolidor, o Frank de Jon Bernthal conseguiu ser melhor que as três versões cinematográficas do personagem e sem muito esforço e mesmo com muita negação por parte da Marvel, nós sabíamos que cedo ou tarde teríamos uma série solo do personagem.

Sabendo disso, vamos ao ponto. Mesmo depois dessa bagunça toda, a série finalmente irá chegar no dia 17 de novembro e o que vamos abordar aqui são alguns rumores, sendo 10 deles confirmados e 5 que esperamos que não se confirmem.

15 – CONFIRMADO: Será uma história de origem com cenas nos tempos atuais

Mesmo não tendo certeza se essa é a melhor ideia possível, é algo já confirmado. Histórias de origem são interessantes para mostrar um personagem novo e não familiar com o público ou estabelecer uma nova versão do mesmo.

Porém, elas podem ser extremamente cansativas para as pessoas que já o conhecem e apenas querem ver seu personagem favorito em ação.

O Justiceiro irá mostrar os eventos que acabam com Frank Castle: a morte de sua mulher e filho. Karen Page já nos mostrou boa parte dessa situação em Demolidor, e acredito que isso já era o suficiente pra essa parte da história.

Por sorte, a série não vai ficar recapitulando tudo que já sabemos de uma forma entediante. Junto com o passado de Frank, teremos o Justiceiro que usa uma camiseta de caveira por aí. Não sabemos quanto de cada coisa será mostrada, mas esperamos que o foco seja no presente.

14- CONFIRMADO: Billy Russo é um dos vilões

Os fãs já o conhecem pelo seu nome de guerra quando se torna o arqui-inimigo de Frank: O Retalho (Jigsaw). Se você não conhece o personagem, deve estar se perguntando o porque desse nome e bom… Vamos lá.

Frank Castle o lança de uma janela e os cirurgiões tentam colocar seu rosto no lugar novamente como um quebra-cabeça (Jigsaw), e as partes acabam não se encaixando direito o deixando com o rosto todo retalhado.

Diferente do personagem dos quadrinhos, o Billy da série não será um assassino da máfia, mas sim o cabeça de uma empresa militar chamada Anvil. Ele e Frank serviram juntos nas Forças Especiais e eram amigos, mas isso provavelmente irá mudar – considerando que sabemos o que acontece com esse cara.

13- DESEJAMOS NÃO SER VERDADE: Billy vai se tornar o Retalho

Nós provavelmente não iremos ligar se algumas coisas ruins acontecerem com Billy Russo no final de O Justiceiro, e certamente vai ser legal vê-lo como Retalho no futuro, porém estamos dispostos a esperar.

O problema em si não é de trazer o vilão, mas sim do mal hábito das séries da Marvel/Netflix com aqueles finais com ganchos “pera aí”, que só se concretizam tempos depois, tipo aquele buraco da segunda temporada de Demolidor, que só foi resolvido em Defensores. Infelizmente isso é um risco que a série do Justiceiro está correndo.

Sejamos honestos, nós queremos ver Frank Castle jogando Billy Russo de uma janela em algum ponto, e se ele quiser aparecer em uma possível segunda temporada, que já venha com o visual final de Retalho, sem aquelas histórias sentimentais do vilão.

Pra essa temporada, então, preferimos que o seu destino seja algo desconhecido do que deixar um gancho bobo no final mostrando que na verdade ele não morreu. Os fãs já sabem o seu destino e as outras pessoas ficariam com uma grata surpresa em outra temporada.

12 – CONFIRMADO: Turk Barret irá retornar

Nos quadrinhos, Turk é um trapaceiro de um nível tão baixo que o Demolidor muitas vezes nem liga de o mandar para a cadeia.

Ele aparece em quase todas as séries da Marvel/Netflix, e trabalha para uma grande variedade de empresas criminais, tendo vários chefes até conseguir seu próprio negócio como revendedor de armas vendendo “proteção” contra o Justiceiro.

Em sua última aparição, Luke Cage o estava interrogando por informações em Os Defensores. Nesse ponto, ele se tornou apenas o cara que sabe o caminho até o próximo ponto, e esse provavelmente é o papel que ele vai interpretar em Justiceiro, já que Frank terá muita gente pra procurar. Se Castle vai deixar Turk vivo, aí nos resta esperar.

11 – CONFIRMADO: A Van de Batalha irá aparecer

Esse é um dos rumores que nos deixam felizes, afinal estamos esperando há três encarnações do personagem pela aparição de seu carro da morte em live-action e tudo que tivemos até hoje foi uma moto e um muscle car.

A Van de Batalha de Frank Castle é uma modesta van que contém armas, munições e muitas outras coisas mortais suficientes para destruir um exército. É um imenso arsenal e nos quadrinhos conta com uma mini-gun, um lança-granadas, equipamento high-tech de vigilância e até mesmo um braço robótico pra matar inimigos a longa distância.

A única coisa que falta é uma linda pintura com chamas e talvez um mago lutando com um dragão em Valhalla. Mas nesse caso, não é o tipo de Frank, já que ele mantém a discrição antes de atirar para todos os lados.

10 – DESEJAMOS NÃO SER VERDADE: Cameo do Rei do Crime

As chances de Wilson Fisk de Demolidor voltar para atormentar Frank Castle novamente são praticamente nulas, mas nunca se sabe.

As mãos do Justiceiro estarão bem ocupadas com armas enquanto ele busca os responsáveis pela morte de sua família, então adicionar um outro vilão com propósitos totalmente diferentes poderia causar um enchimento desnecessário na história e como bem já sabemos, as últimas séries Marvel/Netflix foram ótimas com a encheção de linguiça.

Entretanto, o encontro dos personagens foi algo incrível naquela cena da prisão em Demolidor e é algo que gostaríamos que voltasse a aparecer, mas no tempo certo, afinal Fisk e Frank tem algumas contas a acertar.

Enquanto ele não é confirmado por aqui, já temos a notícia de que ele estará de volta na terceira temporada de Demolidor, então é só esperar.

9 – CONFIRMADO: Justiceiro não será um “herói”

Isso na realidade nem deveria ser dito, já que ele adora colocar novos furos nas pessoas, mas é bom lembrar: Frank não é um herói. Ele é um maníaco violento que faz o Wolverine parecer um pacifista.

As versões passadas do personagem tentaram dar uma romantizada no personagem para ele ficar mais simpático com o público.

Por outro lado, Jon Bernthal trabalhou duro para manter verdadeiro o que ele chama de “a essência de Frank” e “ter o direito e ser ousado o suficiente pra realmente dar às costas para o público”.

Com essa declaração, nós chegamos a conclusão de que esse Frank irá cruzar alguns limites que será difícil concordar com seus métodos, mesmo entendendo seus motivos.

8- CONFIRMADO: É quase um universo a parte dos Defensores

Apesar de incluir alguns dos personagens já conhecidos, O Justiceiro terá algo só seu, independendo da série que o precede. Isso parece funcionar para como Frank Castle opera, de qualquer maneira, então faz todo sentido.

Essa divisão é uma boa ideia por dois motivos. Primeiro, nós estamos bem com uma história fechada livre de bagagens que ocasionalmente teriam algum valor em outras séries, incluindo todo o trabalho terreno que eles tiveram de fazer para o inevitável crossover.

Nós estamos bem com a ideia de Frank seguir seu caminho sozinho sem tentar imaginar como ele vai se encontrar com Jessica Jones.

A segunda razão é que o universo de Defensores chegou ao nível do místico e do ridículo, e não acreditamos que o Justiceiro se encaixe nisso. Ele não tem nenhum poder, e sai por aí expondo toda a sua raiva e sanguinolência. Não precisamos dele enfrentando ninjas ocultos.

7 – DESEJAMOS NÃO SER VERDADE: Aparição dos Defensores

Apenas dizer que O Justiceiro se passa a parte do resto do universo Marvel/Netflix não significa que os criadores da série não tentarão forçar novamente o Punho de Ferro de Danny Rand e tentar nos convencer de que ele é um bom personagem.

De verdade nós esperamos não ver nenhum dos Defensores nessa série. Pelo que já vimos, O Justiceiro terá seu próprio tom estético e uma sensibilidade brutal maior que a de seus predecessores.

Frank tem seu próprio negócio aqui e acho que o melhor é se ele seguir sozinho. Essa provavelmente será a série mais brutal da Marvel/Netflix até o momento, e trazer um único personagem com super poderes, mesmo que seja uma pequena aparição, pode fugir um pouco da ideia original.

6 – CONFIRMADO: Claire Temple não estará presente

Se fosse para comparar, Claire seria a versão de Defensores do Agente Phil Coulson na primeira fase do Universo Cinematográfico da Marvel.

Ela conheceu e interagiu com todos os membros, ofereceu ajuda e muitas vezes foi a única coisa em comum entre os protagonistas antes deles finalmente se juntarem em Os Defensores.

É um fato que muita gente gosta dela e vai sentir falta (muitos não) em Justiceiro, mas não faria o menor sentido ela ali, de qualquer maneira. Frank parece ser o cara que cura seus próprios ferimentos e nenhum dos caras que ele atirar terá necessidade de uma enfermeira. Ele também é altamente imune a qualquer guia moral que Claire passou aos outros personagens.

Seria horrível forçar a presença de Claire nessa série só por tradição, sendo que seu papel seria inútil nessa situação.

5 – CONFIRMADO: Karen Page está de volta

Não foi sempre o caso, mas a repórter de Demolidor estará de volta. Isso faz sentido, já que ela e Frank já se conhecem e Karen sabe um pouco sobre seu passado.

O que não sabemos é como exatamente a série trará a personagem de volta; pode ser apenas uma aparição ou um papel maior, mas acho que todos estão de acordo de que vai ser legal vê-los interagindo novamente.

Karen é uma das poucas pessoas quem Frank realmente confia, e ela provavelmente é a única que ele de fato gosta. O cara odeia geral, então isso é um milagre.

Karen provavelmente vai ser a “Claire” de O Justiceiro, servindo para manter Frank são – na medida que isso for possível, entretanto – e oferecendo a ele o tipo de suporte que não envolve atirar nas pessoas.

Com esperança, a relação deles para por aí.

4 – DESEJAMOS NÃO SER VERDADE: Um romance de Karen/Frank

Por mais feliz que possamos estar vendo Frank e Karen juntos novamente, eu ficaria extremamente put# se no fim eles acabassem, sei lá, “juntos”.

O Justiceiro nunca foi um personagem com necessidade de um interesse amoroso. Ele teve uma única pessoa e ela morreu tragicamente. Então o seu marido matou a todos. Frank é um cara emocionalmente quebrado no qual a capacidade de amar morreu junto a sua família. Ele substituiu esse amor por um ódio sem fim por criminosos e uma van da morte cheia de armas.

E sinceramente, eu não acho que Karen teria um lado bom com esse relacionamento. Nós sabemos que ela se importa com Frank e eles tem uma ligação, mas ela não pode fazer um milagre com o “incrível poder do afeto”.

De qualquer maneira, Frank não quer ninguém pra curá-lo.

3 – CONFIRMADO: A série não vai se passar apenas em Nova York

Exceto algumas viagens em Punho de Ferro, a grande maioria das séries Marvel/Netflix se passaram apenas em áreas diferentes de Nova York. Isso porquê essas áreas são dos heróis “terrenos” que enfrentam seus vizinhos e não monstros do espaço.

O Justiceiro vai quebrar a tradição e enviar Frank para outros lugares. Nós provavelmente o iremos visitar durante seus tempos de Forças Especiais, que provavelmente mostrará os mais diversos locais do mundo.

Graças as mensagens da conta oficial da série no Twitter, descobrimos o nome dos episódios. O terceiro se chama “Kandahar”, o que sugere uma visita no Afeganistão.

Eu não ligaria de ver Frank visitar outros locais depois de se tornar o Justiceiro. Não há escassez na criminalidade em Nova York, porém seria interessante ver uma variação.

2 – CONFIRMADO: Um outro herói da Marvel deve aparecer

Esse é o rumor mais irritante de todos, mais ainda do que todas aquelas datas de lançamento imprecisas.

Ela veio de um comentário do Vice-presidente sênior de Criador e Desenvolvimento de Conteúdo (eita título grande) C.B Cebulski, na Asia Pop Comic-Con.

Ele disse “Outro herói da Marvel deve aparecer em O Justiceiro”. É um comentário tão nebuloso e aberto a interpretações que dá pra imaginar o porque dele dizer isso, além de dar algo pra internet comentar.

Vamos dizer que aconteça (veja o “deve”), isso pode envolver a aparição de um dos Defensores e eu já mencionei o porque isso não seria uma boa ideia. Se for um personagem que ainda não apareceu, a lista inclui o catálogo da Marvel inteiro, tirando os X-Men e o Quarteto Fantástico.

Os detetives de redes sociais tem bons motivos pra acreditar que seja o Cavaleiro da Lua, que já fez parte dos Defensores nos quadrinhos.

1 – DESEJAMOS NÃO SER VERDADE: Cavaleiro da Lua

Então, sobre esse cara… Marc Spector é um antigo agente da marinha dos EUA que é deixado num deserto pra morrer por um mercenário. Ele sobrevive pois aceita se tornar o deus egípcio da lua Khonshu.

Spector tem muitas personalidades e algumas vezes nos quadrinhos, ele tomou a forma de Homem-Aranha, Wolverine e Capitão América, além de dar conselhos altamente contraditórios a eles.

Se ele aparecer, eu acredito que não vá aparecer com seu visual todo prateado e clássico. É de se acreditar que ele apareça apenas como Marc Spector como um easter egg, durante os dias militares de Frank, ou em um escritório psíquico onde Frank será tratado.

Isso seria até legal, exceto pelo fato que faria todo o rumor do “outro personagem da Marvel” parecer ainda mais estranho.

Por fim, esperamos que de fato os rumores bons sejam realizados da melhor forma possível e que a série consiga ser melhor que as últimas produções Marvel/Netflix. Já sobre os rumores negativos, que eles não se concretizem.

Não esqueça de deixar a sua opinião nos comentários, O Justiceiro chega na Netflix no dia 17 de novembro.

 

facebook comments:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here